Alteração segmentar da contratilidade: Como Tratar?

Olá, Doutor. Como tratar pacientes com discreta alteraçao da contratilidade segmentar? meu marido esta com este diagnostico e tem 31 anos. (comentário feito em: Alteração segmentar, o quê é isso?).

Alteração Segmentar da Contratilidade – o quê é?

A Alteração segmentar da contratilidade é uma alteração que é vista no exame Ecocardiograma transtorácico e indica que alguma parte do coração está sem realizar a sua contração (daí o termo contratilidade).

Detalhadamente, significa que algum SEGMENTO do coração está sem se contrair – daí, alteração segmentar (segmento) da Contratilidade (função de contrair).

Dor no peito

Dor no peito

Leia mais…

 

Alteração Segmentar da Contratilidade – quais as causas?

As principais causas da Alteração segmentar da Contratilidade são:

  • Infarto do Miocárdio.
  • Miocardiopatias virais e idiopáticas.
  • Doença de Chagas.

Em pacientes jovens, a chance maior de que a alteração segmentar da contratilidade seja causada pelas Miocardiopatias e não pelo Infarto do Miocárdio. Pacientes jovens, com 30 anos, tem pouca probabilidade de que a causa desta alteração segmentar da contratilidade seja pelo infarto do miocárdio… Pacientes jovens não tiveram tempo de vida para a doença do Infarto acontecer, pois, na maioria das vezes, ela é causada por obstrução das coronárias e esta doença leva tempo (+/- 30anos, a contar dos 20anos) para afetar a pessoa, ou seja, por volta dos 50 anos.

Temos então, que pensar em outras causas: Doença de Chagas é uma doença que pode causar Alteração segmentar da contratilidade em pessoas jovens… mas ele precisa morar em regiões em que está doença é frequênte…

Leia mais…

Exitem também causas mais raras e pouco frequêntes desta alteração, com uso de cocaína e doenças nas válvulas do coração em estágio avançado de doença… Mas, normalmente, estão associados a outros sintomas e a alteração segmentar não costuma vir sozinha no laudo.

Não é muito comum, diria até, que é raro encontrar uma alteração destas em um coração de 31anos de idade.

É importante saber, também, mais informações sobre o ecocardiograma para poder emitir uma opinião mais próxima da realidade, principalmente a Fração de Ejeção e outras observações do laudo, em uma parte que fala sobre o Ventrículo esquerdo. 1)Heart.org

Leia mais…

 

Alteração Segmentar da Contratilidade – como tratar?

A melhor forma de tratar a Alteração segmentar da contratilidade é tratando a doença que causou esse problema. Portanto, vá ao seu cardiologista e mostre para ele.

References   [ + ]

1. Heart.org

Author: Dr. Leonardo Alves

Médico, Cardiologista que entende que a internet pode e deve ser uma fonte inesgotável de informações para os pacientes.
CRMMG: 33.669 – Trabalha na Clínica Cardiovasc, em Teófilo Otoni, MG

Share This Post On

3 Comments

  1. Doutor, então o processo de obstrução das coronárias demora muito tempo? Ela não formar de forma rápida em jovens?Obrigado

    Post a Reply
    • Olá,
      Sim, Luan, o processo é bastatne demorado…
      Mas pode ocorrer em jovens, sim, principalmente devido à anabolizantes ou a doenças hereditárias em que o colesterol é bastante elevado desde a sua infância – chamada hipercolesterolemia familiar (uma doença genética).
      Leonardo.

      Post a Reply
  2. Olá Doutor Leonardo muito bom dia, em primeiro lugar parabéns pelo site. Doutor tenho 49 anos e sofri infarto aos 48, já completo 01 anos e 02. Foram constatadas 02 obstruções, 01 com 86% e outra com 93% e inserido 01 stent. Recentemente fiz o ecocardiograma e o resultado foi de que a Função sistólica global do VE está preservada, porém há alteração da contratação segmentar, isso no meu caso e normal?

    Post a Reply

Trackbacks/Pingbacks

  1. Infarto e suas consequências ao coração. | Dr. Leonardo Alves – Cardiologista - [...] infarto é a perda ou redução de contratilidade de uma ou mais partes do coração – chama alteração segmentar…

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This

Compartilhe!

Compartilhe esse artigo com amigos!