BAV 1o grau e Exercício Físico: Posso fazer? Qual cuidado devo tomar? Preciso de Marca-passo? Devo monitorar minha frequência cardíaca? Como proceder?

Pergunte ao Cardiologista!

A dúvida de hoje foi do Carlos Eduardo, confira?

Bom dia doutor. Eu tenho BAV. Quero muito fazer academia! Meu médico disse que posso fazer menos atividades competitivas, e se posso fazer preciso usar um relógio monitor cardíaco com cinta peitoral! (por Carlos Eduardo)

Qual é a queixa?

Carlos Eduardo tem BAV (não informou o tipo) e tem dúvida se deve/não deve fazer atividade física.

Como não há especificação de qual tipo de bloqueio, vou partir do princípio que seja o BAV de 1o. grau, pois foi onde o Carlos Eduardo fez o comentário no artigo.

BAV 1o grau – o que é?

O BAV é um tipo de bloqueio cardíaco bastante comum. BAV é a abreviação para Bloqueio Átrio-Ventricular e há três tipos principais, como você leu nesse artigo:

BAV 1o grau – O diagnóstico:

O diagnóstico do Bloqueio AV de primeiro grau é feito pelo eletrocardiograma, de forma simples e sem maiores complicações.

Se o INTERVALO PR foi maior que 0,20 segundos, há um bloqueio AV.

BAV 1o grau – Qual a prevalência?

O Bloqueio AV de primeiro grau é bastante frequente em atletas e menos frequente na população geral:

  • Atletas: 10% a 33% dos atletas.
  • População normal: apenas 0,65% (menos de 1% da população)

BAV 1o grau e Exercício Físico: Quais os riscos?

No geral, o BAV de 1o. grau DESAPARECE com o esforço físico – isso é bastante característico nos atletas e não costuma causar problemas.

BAV 1o grau e Exercício Físico: Quando preocupar?

A gravidade do BAV de 1o. grau depende a presença ou ausência de alterações no complexo QRS (outra região do ECG).

  1. BAV de 1o. grau e QRS NORMAL: não há qualquer problema – não há necessidade de outros exames.
  2. COMPLICADO: BAV de 1o. grau e QRS ALTERADO (ALARGADO) – seu médico precisa avaliar:
  3. COMPLICADO: BAV de 1o. grau e PRI muito alargado,  maior que 0,30 segundos – seu médico precisa avaliar:

Sou atleta e tenho BAV 1o grau complicado: o que fazer?

Se você for atleta e tiver necessidade de manter-se em atividade intensa, é possível que você tenha que fazer um Estudo Eletrofisiológico para melhor avaliação do seu caso.

Devo usar um monitor cardíaco?

Particularmente, eu sempre acho interessante usar um monitor cardíaco para acompanhar a nossa frequência cardíaca. Mas no caso da opção 1, abaixo: não há obrigação de usá-lo.

  1. BAV de 1o. grau e QRS NORMAL: não há qualquer problema – não há necessidade de outros exames.

A dúvida!

Bom dia doutor. Eu tenho BAV. Quero muito fazer academia! Meu médico disse que posso fazer menos atividades competitivas, e se posso fazer preciso usar um relógio monitor cardíaco com cinta peitoral! (por Carlos Eduardo)

Se seu médico lhe proibiu de fazer atividade física competitiva, confie nele!

Pergunte ao seu médico se você preenche algum dos critérios acima e confira com ele as outras opções.

Quais modelos de Monitores Cardíacos?

Há alguns modelos que posso indicar:

Alguma outra dúvida?

Se você ficou com alguma dúvida, comente esse artigo. Abraços.

Share This

Compartilhe!

Compartilhe esse artigo com amigos!