Diabetes – O apoio familiar é fundamental

O apoio familiar é fundamental

O apoio da família ao indivíduo com diabetes mellitus é muito importante no tratamento do paciente. Fazer todas as alterações e adequar-se ao novo estilo de vida – mais saudável –recomendado pelo médico pode se tornar mais fácil se ele tem o carinho, o suporte e o auxílio de pessoas próximas a ele.

Muitas vezes a notícia do diagnóstico desperta no paciente medo, insegurança e até mesmo rejeição ao diagnóstico. A família tem papel fundamental em ajudar o indivíduo a aceitar o diabetes e entender a importância de se envolver com o tratamento.
O suporte familiar pode vir de três formas, todas muito relevantes. Uma delas é o instrumental: o paciente terá que se adaptar a uma dieta saudável, inserir a atividade física em seu dia a dia e tomar os medicamentos na dose e horário corretos. Além disso, manter o acompanhamento do médico e fazer os exames periódicos, estimular o exercício físico,  ajudar nas tarefas, manter o cardápio adequado de cada refeição, adquirir os medicamentos e acompanhar na visita ao médico são atitudes muito importantes.

Outra forma de ajuda é a informativa: a educação em relação ao diabetes é parte do tratamento. Os familiares podem auxiliar em prover informações, orientações e até conselhos.

Além disso, escutar, preocupar-se, mostrar simpatia e amor também é fundamental. O apoio emocional com o cuidado, suporte e carinho pode influenciar muito no tratamento do diabetes. O suporte social traz confiança e segurança emocional, indispensáveis ao paciente. Ele não precisa vir somente da família, seja qual for a fonte – amigos, colegas ou mesmo profissionais da saúde – é benéfico.

As alterações no dia a dia podem ser difíceis de adaptar, mas com apoio e compreensão, as mudanças geram menos sofrimento e ficam mais prazerosas.

MARQUE SUA CONSULTA: Dr. Leonardo Alves na Clínica Cardiovasc

FONTES

Rossi, Vilma Elenice Contatto. Et AL. Apoio familiar no cuidado de pessoas com Diabetes Mellitus tipo 2. (2009)

Disponível em: http://www.fip.fespmg.edu.br/~edifesp/index.php/scientae/article/view/102/55

Acesso em: 12 set 2011.

Author: Dr. Leonardo Alves

Médico, Cardiologista que entende que a internet pode e deve ser uma fonte inesgotável de informações para os pacientes.
CRMMG: 33.669 – Trabalha na Clínica Cardiovasc, em Teófilo Otoni, MG

Share This Post On

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This

Compartilhe!

Compartilhe esse artigo com amigos!