Ecocardiograma transtorácico, Ecodoppler ou Eco! Seu Guia!

O ecocardiograma é um exame muito importante na prática diária do cardiologista e de todos que trabalham com doenças do coração. Para quê serve este exame? O quê ele vê, analisa?

O quê é o Ecocardiograma Transtorácico do coração:

ecocardiograma

ecocardiograma

O ecocardiograma nada mais é do que um ultrasom do coração. Isso mesmo, nada mais é do que um exame de ultrasonografia do coração, semelhante aos demais ultra-sons, mas é da mesma família de exames. Também é utilizado um gel, é feito em uma sala gelada e escura, do mesmo modo.

A diferença que existe é do ponto de vista mais técnico, pois o ecocardiograma é um exame que analisaa os movimentos do coração. Diferente do ultrasom de abdome (que analisa órgãos imóveis) o ecocardiograma analisa um órgão vital em constante movimento. Assim, as características do exame são adaptadas para visualizar e analisar estruturas em movimento. 1)Echocardiography

 

Há outros nomes para o ecocardiograma?

Sim, há um série de nomes para este exame que são provenientes de diversas tabelas dos diversos convênios. Os mais importantes são:

1 – Ecodopplercardiograma transtorácico – é a mais usada atualmente, derivada da CBHPM (uma nova tabela médica – classificação brasileira hierarquizada de procedimentos médicos).

2 – Eco – uma abreviação não adequada do nome deste exame.

3 – Ecocardiograma bidimensional com mapeamento de fluxo em cores – nome que vem sendo abandonado, e trocado pelo primeiro nome.

4 – Ecodoppler – também é inadequado, pois existem diversos ecodoppler – temos que especificar que é ecodopplerCARDIOGRAMA.

5 – Eco TT – É a abreviação do primeiro nome – TT = TransTorácico.

Aumento do Átrio Esquerdo no Ecocardiograma! Tudo Sobre!

O quê o ecodopplercardiograma analisa?

O “Eco TT” analisa todas as estruturas do coração, mas principalmente;

1 – a musculatura cardíaca – o miocárdio.

2 – as válvulas cardíacas.

3 – o fluxo de sangue pelas válvulas

4 – os principais vasos do coração (artéria aorta e artérias pulmonares)

5 – efetua medidas (em milimetros) das estruturas do coração e do seu tamanho.

 

Ecocardiograma transtorácico é mais adequado para avaliar sopro?

Sim, é. O ecocardiograma é o exame mais adequado para fazer análise dos sopros no coração. Ele consegue avaliar completamente as alterações nas válvulas do coração que provocam o sopro cardíaco, definindo as causas e o grau de obstrução ou insuficiência destas válvulas.

 

Laudo do Ecocardiograma – com detalhes:

Qualidade Técnica: Boa

Medidas M-Mode (mm):
Aorta (mm): 23
Átrio esquerdo (mm): 33
Ventrículo direito (mm): 24
Ventrículo esquerdo – diástole (mm): 46
Ventrículo esquerdo – sítole (mm): 27
Espessura do Septo IV (mm): 9
Parede posterior (mm): 7

Índices de Função ventricular:
Fração de Ejeção: 70%
Encurtamento: 39%
Índices de Massa: 66g/m2

Análise do Átrio Direito:

O átrio direito apresenta diâmetros normais.

Alterações no Átrio Direito:

  • O átrio direito apresenta dimensões aumentadas em grau leve – Aumento leve do átrio direito.
  • O átrio direito apresenta dimensões aumentadas em grau moderado – Aumento moderado do átrio direito.
  • O átrio direito apresenta dimensões aumentadas em grau importante – Aumento importante do átrio direito.

Análise do Átrio Esquerdo:

O átrio esquerdo apresenta dimensões internas normais. A área calculada pelo método Área/comprimento foi 7,09cm²/m² (VR: até 10,4cm²/m²) e o Volume foi 23ml/m² (VR: até 34mL/m²).

Alterações no Átrio Esquerdo:

  • O átrio esquerdo apresenta dimensões aumentadas em grau leve – Aumento leve do átrio esquerdo.
  • O átrio esquerdo apresenta dimensões aumentadas em grau moderado – Aumento moderado do átrio esquerdo.
  • O átrio esquerdo apresenta dimensões aumentadas em grau importante – Aumento importante do átrio esquerdo.

Septo Interatrial:

O septo interatrial está íntegro. Ausência de shunt ao nível do septo interatrial.

Alterações no Septo Interatrial:

Análise do Ventrículo Direito:

O ventrículo direito apresenta dimensões internas e contratilidade normais. O TAPSE avaliado: 21mm (Se menor que 17mm, altamente sugestivo de disfunção sistólica do VD).

Alterações no Ventrículo Direito:

  • O ventrículo direito apresenta dimensões aumentadas em grau leve – Aumento leve do ventrículo direito.
  • O ventrículo direito apresenta dimensões aumentadas em grau moderado – Aumento moderado do ventrículo direito.
  • O ventrículo direito apresenta dimensões aumentadas em grau importante – Aumento importante do ventrículo direito.

Função Sistólica do Ventrículo Direito:

A análise da função sistólica do ventrículo direito é avaliada desta forma.

Análise do Ventrículo esquerdo:

O ventrículo esquerdo apresenta dimensões internas, contratilidade e espessura das paredes normais. A função sistólica global está normal. A fração de ejeção calculada pelo método de Teicholtz foi de 66%.

Fração de Ejeção Normal e Alterada – Entenda Tudo!

Alterações das dimensões do ventrículo esquerdo:

Insuficiência Cardíaca e Coração Grande – Tudo!

Alterações da Contratilidade Ventrículo Esquerdo:

  • A análise da contratilidade demonstra hipocinesia difusa em grau leve… moderado… ou importante.
  • A análise da contratilidade demonstra acinesia da parede ântero-septal.
  • A análise da contratilidade demonstra acinesia da parede ínfero-septal.
  • A análise da contratilidade demonstra acinesia da parede inferior.
  • A análise da contratilidade demonstra acinesia da parede lateral.
  • A análise da contratilidade demonstra acinesia da parede anterior.

Consequências do Infarto do Miocárdio – Uma visão Geral!

Alterações relacionadas à hipertrofia ventricular esquerda:

Hipertrofia ventricular esquerda – HVE – Tudo Sobre!

A Fração de Ejeção:

Fração de Ejeção Normal e Alterada – Entenda Tudo!

Função Sistólica do Ventrículo Esquerdo:

A análise da função sistólica do ventrículo esquerdo é avaliada desta forma.

Análise da Função Diastólica:

A análise da função diastólica, analisada por diferentes métodos, demonstra padrão normal de relaxamento.

Alterações da Função Diastólica:

Disfunção Diastólica e Relaxamento Diastólico, o quê é?

Análise da Válvula mitral:

A valva mitral tem aspecto normal e abre-se adequadamente em diástole. O fluxo diastólico mitral é normal. O estudo através do Doppler demonstra sinais de regurgitação mitral em grau discreto.

Alterações da Válvula mitral:

Doenças da válvula mitral:

Prolapso Mitral – Prolapso Valvar Mitral – Guia Completo!

Análise da Válvula Tricúspide:

A valva tricúspide tem aspecto normal e abre-se adequadamente em diástole. O fluxo diastólico tricúspide é normal. Presença de regurgitação tricúspide discreta (insuficiência tricúspide em grau leve).

Doenças da válvula tricúspide.

Análise da Válvula Aórtica:

A valva aórtica é tri-valvular e abre-se adequadamente em sístole. O fluxo sistólico transvalvar é normal. Ausência de regurgitação aórtica.

Alterações da Válvula aórtica:

Doenças da válvula Aórtica:

Análise da Válvula Pulmonar:

A valva pulmonar tem aspecto normal e abre-se adequadamente em sístole. O fluxo sistólico transvalvar é normal. Presença de regurgitação pulmonar leve, achado freqüente em indivíduos normais.

Análise da Artéria Pulmonar:

A artéria pulmonar e seus ramos apresentam diâmetros normais. A pressão sistólica da artéria pulmonar estimada pela regurgitação tricúspide é de 24mmHg (pressão estimada no AD: 5mmHg).

Análise da Artéria Aorta:

A aorta ascendente apresenta diâmetros aumentados. Medidas: Ânulo: 1,9cm (VR: 2,3 a 2,9cm); Seio de Valsalva: 2,2cm (VR: 3,1 a 3,7cm); Junção Sinotubular: 2,1cm (VR: 2,6 a 3,2cm); Aorta Ascendente Proximal: 2,3cm (VR: 2,6 a 3,4cm). Arco aórtico e aorta descendente têm calibres normais. Ausência de gradientes ao nível da aorta descendente.

Análise do Pericárdio:

O pericárdio tem aspecto normal e não há derrame.

Análise de Estruturas Atípicas – Trombos e Vegetações:

Ausência de trombos intracavitários ao estudo transtorácico.

Conclusão do Ecocardiograma trasntorácico:

– Função sistólica global e segmentar do VE normal.
– Câmaras cardíacas de dimensões normais.
– Função diastólica do VE normal.

 

Como está a conclusão do seu Ecocardiograma?

E então? Entendeu direitinho? há outras dúvidas? Fico à disposição.

Abraço.

References   [ + ]

Author: Dr. Leonardo Alves

Médico, Cardiologista que entende que a internet pode e deve ser uma fonte inesgotável de informações para os pacientes. CRMMG: 33.669 - Trabalha na Clínica Cardiovasc, em Teófilo Otoni, MG

Share This Post On

26 Comments

  1. Dr., sou mto ansiosa e desde os meus 18 anos venho sentindo vários sintomas. Fiz ecocardiograma e holter e deu 20 extrasistoles ventriculares. O cardiologista disse que naotenho nada. Hj aos 25 anos sinto palpitação e ansiedade. Fiz eco novamente e deu td normal, mas tinha escrito tb: folhetos finos, movimentacao sistolica posterior acentuada, mas sem criterios para prolapso. O que isso significa? Eu estava mto nervosa durante o exame e meu coracao batia mto rapido. Tem a ver com isso? Hj estou fazendo tb novamente o holter. Obrigada pela ajuda!

    Post a Reply
    • Ah! O cardiologista dessa vez tb falou que tenho um sopro suave no coracao, mas que está td bem e é normal na minha idade.

      Post a Reply
      • Olá, Bárbara.
        “Sopro suave” é um termo para tentar lhe explicar em uma linguagem simples.
        Os sopros são graduados de acordo com a intensidade/volume que escutamos durante a ausculta do coração…
        São graduados em uma escala de I a VI… quanto mais próximo de VI, mais intenso.
        Um “Sopro suave” deve sugerir um sogro grau I ou II.
        Espero que tudo esteja bem com vc.
        Abraço.
        Leonardo.

        Post a Reply
    • Olá, Bárbara
      A “movimentacao sistolica posterior acentuada” é uma movimentação que ocorre na valva mitral e que (se for mais intensa) é denominada PROLAPSO VALVAR MITRAL – O PVM.
      Esse movimento é um dos critérios para o diagnósticos de PVM.
      Muitas vezes, o PVM costuma estar associado à ansiedade e os pacientes ficam muito preocupados com esta alteração.
      Sugiro ficar tranquila e consultar e acompanhar seu médico.

      Grande abraço.
      Leonardo.

      Post a Reply
      • Obrigada pelas respostas dr.! Fui no cardiologista e ele disse que meu eco é normal. Apesar de ter dado a alteração “movimento sistolico posterior acentuado”, também estava escrito no exame “ausência de criterios para PVM”. A minha ansiedade pode então ter causado essa alteração? Ou eu nasci com isso? Eu posso vir a desenvolver PVM por causa disso? Meu cardiologista disse q estava td bem, e sugeriu q eu procurasse um terapeuta.
        Obrigada pela ajuda mais uma vez.

        Post a Reply
          1. Olá. Esta movimentação sistólica n�o � causada pela ansiedade… O que ocorre � o contr�rio… a presen�a de Movimenta��o sist�lica causa ansiedade em um paciente j� ansioso… O paciente fica olhando para aquele laudo… e fica ansioso… sem motivos… Um terapeuta sempre faz bem. Abra�os. Leonardo Alves

          Post a Reply
      • Obrigada mais uma vez pelas respostas dr! Realmente fiquei mais ansiosa qnd vi essa alteração no eco. Mas essa alteração indica algo? Posso ter PVM ou outra coisa no futuro por causa disso? Se eu fizer outro eco daqui a algum tempo essa alteração vai continuar aparecendo ou pode sumir?

        Post a Reply
        • Olá, Bárbara.
          Não fique tão preocupada assim, acho melhor conversar com seu cardiologista para que ele lhe esclareça com uma reesposta mais próxima ao seu caso.
          Como ecocardiografista, digo que se o prolapso mitral é mínimo ou pequeno, em algumas situações, o examinador pode não percebê-lo e dizer que não tem, ou que sumiu… Mas é uma alteração física.
          Grande abraço.
          Leonardo.

          Post a Reply
      • Uma ultima pergunta: É possivel q eu sinta esse movimento sistolico posterior acentuado?

        Post a Reply
        • Olá, Bárbara.
          O prolapso mitral é a movimentação sistólica posterior acentuada…
          Ou seja, quando muito acentuado, acima de determinado limite, o termo usado é PROLAPSO MITRAL.
          Abraços.
          Leonardo.

          Post a Reply
  2. Pode ter refluxo leve sem ter pvm?

    Post a Reply
    • Kátia,
      Sem pode ter, sim.
      Abraços.

      Post a Reply
  3. Dr, não sei se ainda tem acessado o blog mas deixo aqui minha pergunta.
    A taquicardia pode dar alterações significativas no ecodoppler?
    Eu Quando fiz estava ansiosa e com taquicardia (que já cessou) e meu exame constou que tenho sopro. O médico que eu fui sugeriu que eu operasse logo, mas depois me ligou dizendo que conversou com o ecocardiografista e que esse o aconselhou a repetir o exame pois eu estava nervosa e com taquicardia. O fato de que eu estava com taquicardia pode causar esse resultado? Obrigada.

    Post a Reply
  4. Ola Boa Tarde DR,
    meu exame de eco deu o seguinte resultado espessamento e prolapso da valva mitral leve, é grave?

    Post a Reply
  5. Dr, na conclusão no meu exame deu,
    Função sisto-diastolica do VE preservada repouso
    Regurgitação tricúspide mínima. Pressão sistolica de artéria pulmonar estimada de 22 mmHg.
    Oque isso significa?

    Post a Reply
  6. Dr. Quando o exame tem um resultado: Calcificação do anel mitral é grave?

    Post a Reply
    • Ei, Ane.
      Pacientes acima de 50-60 anos costumam ter essa alteração, pelo envelhecimento.
      Ou, se for jovem, por calcificação provocada por reumatismo.
      Abraços

      Post a Reply
  7. Prolapso forma classica da válvula mitral leve e insuficiencia mitral leve pode aumentar? Qual os riscos?

    Post a Reply
  8. Esse prolapso e insuficiencia pode estar relacionado a endometriose,pode se adquirir devido a Endometriose?Qual o risco de tomar anticoncecional?Qual o risco para a cirurgia devido a este problema no coração?

    Post a Reply
  9. Outra pergunta…..o q leva esse prolapso e insuficiencia a aumentar?

    Post a Reply

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This

Compartilhe!

Compartilhe esse artigo com amigos!