Inatividade elétrica no Eletrocardiograma – o que é?

O laudo de ECG gera muitas dúvidas nos pacientes e uma das alterações mais graves são as inatividades elétricas.

inatividade-eletrica-ecg

inatividade-eletrica-ecg

Veja a dúvida:

O meu exame de ECG deu no laudo: RITMO SINUSAL, sugestivo de ZONA INATIVA NA PAREDE ANTERO-SEPTAL, o que isso quer dizer? pode se tornar grave? é necessário que faça um acompanhamento com o Cardiologista?

O que é inatividade elétrica?

A inatividade elétrica descrita no laudo do eletrocardiograma indica uma região do coração em que o estímulo elétrico não chega e, portanto, não há atividade elétrica – por isso o termo: Inatividade elétrica.

O que significa inatividade elétrica, na prática?

Na prática, a inatividade elétrica sugere muito que o paciente tenha tido um infarto do miocárdio. Normalmente, esse infarto ocorreu há mais de 24 horas (mas essa alteração pode ocorrer ainda antes).

Em qual região a inatividade elétrica pode ocorrer?

Cada conjunto de derivações no eletrocardiograma indica uma região do coração. A inatividade pode ocorrer em cada um dela:

  • Inatividade elétrica anterior: na região anterior do coração.
  • Inatividade elétrica antero-septal: na região anterior e septal.
  • Inatividade elétrica inferior:na região inferior.
  • Inatividade elétrica infero-lateral: na região inferior e lateral

O quê devo fazer?

Quando um médico percebe que a inatividade elétrica está presente no eletrocardiograma, ele logo pensa em infarto do miocárdio.

Você, paciente, quando lê essa alteração, deve levar o exame para o seu médico fazer a avaliação.

Abraços.

Author: Dr. Leonardo Alves

Médico, Cardiologista que entende que a internet pode e deve ser uma fonte inesgotável de informações para os pacientes.
CRMMG: 33.669 – Trabalha na Clínica Cardiovasc, em Teófilo Otoni, MG

Share This Post On

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This

Compartilhe!

Compartilhe esse artigo com amigos!