Miocardiopatia Restritiva: Um Manual Completo!

A Miocardiopatia Restritiva é uma doenças relativamente rara, mas que exige um tratamento intenso dos cardiologistas além de uma grande dedicação do paciente. Leia um Manual Completo sobre a Cardiomiopatia restritiva!

miocardiopatia restritiva

miocardiopatia restritiva

Leia sobre as Miocardiopatias:

O quê é a Cardiomiopatia Restritiva?

A cardiomiopatia restritiva ocorre quando as paredes dos ventrículos estão muito rígidas para se relaxar no momento em que estão sendo preenchidos com o sangue.

A capacidade de bombeamento dos ventrículos pode ser normal e a fração de ejeção costuma estar normal ou preservada, mas é mais difícil para os ventrículos encher-se de sangue o suficiente para suprir as demandas do corpo. Com o tempo, o coração pode não bombear adequadamente. Isso leva à insuficiência cardíaca. 1)WebMD

Diferente da Cardiomiopatia dilatada em que o ventrículo esquerdo está fraco e não consegue ejetar o sangue, na miocardiopatia restritiva a principal dificuldade do ventrículo esquerdo é de ENCHER-SE.

Como a Miocardiopatia Restritiva se desenvolve?

A cardiomiopatia restritiva tende a afetar adultos mais velhos.

Os ventrículos do coração tornam-se rígidos porque tecido tem uma função anormal, como um tecido cicatricial que substitui o músculo cardíaco normal. O fluxo sanguíneo no coração fica reduzido ao longo do tempo. Isso pode levar a problemas como insuficiência cardíaca ou arritmias . 2)Heart.org

Outros nomes para cardiomiopatia restritiva

  • Cardiomiopatia restritiva idiopática
  • Cardiomiopatia infiltrativa

O que causa cardiomiopatia restritiva

Certas doenças, condições e fatores podem causar cardiomiopatia restritiva, incluindo:

  • Hemocromatose. (Uma doença na qual há muito ferro no corpo e que se acumula no coração. O ferro extra é tóxico para o corpo e pode danificar os órgãos, incluindo o coração.)
  • Sarcoidose. (Uma doença que causa inflamação e pode afetar os órgãos do corpo. Os pesquisadores acreditam que uma resposta imune anormal pode causar sarcoidose. A resposta anormal faz com que minúsculos grumos de células se formem nos órgãos do corpo, incluindo o coração.)
  • Amiloidose. (Uma doença na qual proteínas anormais se acumulam nos órgãos do corpo, incluindo o coração).
  • Distúrbios dos tecidos conjuntivos
  • Alguns tratamentos contra o câncer, como radiação e quimioterapia

O Ecocardiograma na cardiomiopatia restritiva

Normalmente, o laudo do ecocardiograma diz:

  • Função sistólica do ventrículo esquerdo preservada.
  • Aumento leve/moderado/importante do átrio esquerdo.
  • Aumento leve/moderado/importante do átrio direito.
  • Relaxamento diastólico alterado: Grau 2 ou Grau 3
  • Hipertensão vascular pulmonar.

O Eletrocardiograma na cardiomiopatia restritiva

Normalmente, o laudo do eletrocardiograma diz:

  • Alterações difusas da repolarização ventricular.
  • Sobrecarga atrial esquerda.
  • Sobrecarga atrial direita.
  • Baixa voltagem difusa.

Você tem cardiomiopatia restritiva?

Conte-nos a sua experiência, pois enriquecerá esse artigo.

References   [ + ]

1. WebMD
2. Heart.org

Author: Dr. Leonardo Alves

Médico, Cardiologista que entende que a internet pode e deve ser uma fonte inesgotável de informações para os pacientes. CRMMG: 33.669 - Trabalha na Clínica Cardiovasc, em Teófilo Otoni, MG

Share This Post On

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This

Compartilhe!

Compartilhe esse artigo com amigos!