TPSV – Taquicardia Paroxística Supraventricular – O quê é?

TPSV – Taquicardia Paroxistica Supraventricular é uma arritmia bastante conhecida pelos cardiologistas… e que muitas vezes fazem muita confusão com as famosas Extra-sístoles. Vamos entender o motivo dessa confusão e entender, também, o quê significa essa arritmia e o quê podemos fazer para nos livrar dela.

TPSV – Taquicardia Paroxística Supraventricular – quê nome é esse?

Taquicardia: 

Quando a frequência está acima de 100 bpm – fácil. Todas vez que estivermos diante de um coração cujo batimento está acima de 100 vezes por minuto, estamos diante  de uma TAQUICARDIA.

Paroxística:

(Dicionário Aurélio) Med.  “Estágio duma doença, ou dum estado mórbido, em que os sintomas se manifestam com maior intensidade.” É algo que costuma ocorrer eventualmente, em um período determinado e que tem um retorno à normalidade após um determinado período. Grosseiramente, poderíamos dizer que o oposto de PAROXÍSTICA é CONTÍNUA… Ex: Sintomas paroxísticos = vem e vão. Sintomas contínuos: Vem e ficam.

Supraventricular:

TPSVÉ tudo que ocorre acima do ventrículo. Ficou na dúvida? Tá bom… São as arritmias que se iniciam nos átrios. Normalmente, quando se diz supraventricular, está dizendo que a origem não é no ventrículo, e sim em uma estrutura cardíaca acima do ventrículo: átrios, nó sinusal, nó atrio-ventricular e em qualquer parte dos átrios. Quando se diz que a arritmia é ventricular, significa que ela se iniciou no ventrículo. Entendeu o nome: TPSV – Taquicardia Paroxistica Supraventricular?

Não entendeu? Veja a imagem:

Note que há um momento na imagem do eletrocardiograma em que a arritmia (TPSV – Taquicardia Paroxística Supraventricular) melhora subitamente; no momento em que o seu estado paroxístico se acaba (foto na FanPage). A partir desse momento, o paciente melhora da sensação de palpitações e volta a ficar bem.

Melhora das palpitações? Como assim?

Entendi sua dúvida. Você deve estar pensando: Eu sempre vi falar que as palpitações são devido ás EXTRA-SÍSTOLES ! E agora vem você com essa nova arritmia que causa palpitações?! É verdade, isso ocorre mesmo. Eu sempre falei que a arritmia é uma doença muito traiçoeira e precisamos “armar uma arapuca” para descobrir a sua causa. A TPSV é exatamente assim. O paciente reclama:

Dr. eu senti uma sensação horrível, o coração batia a mais de 200bpm (acima de 100bpm = taquicardia), eu fiquei pálida (o), chamei meu esposo para me levar no hospital e, quando cheguei lá, já estava bem (paroxística = piora na manifestação e desaparece subitamente). Chegando lá, o médico falou que era ansiedade ou extra-sistoles e pediu para procurar um cardiologista e um psicólogo.

O paciente volta para casa muito chateado! Assustadíssimo! Às vezes nervoso com o médico! Em breve, mais.

Pergunte

Author: Dr. Leonardo Alves

Médico, Cardiologista que entende que a internet pode e deve ser uma fonte inesgotável de informações para os pacientes. CRMMG: 33.669 - Trabalha na Clínica Cardiovasc, em Teófilo Otoni, MG

Share This Post On

19 Comments

  1. eu tenho essa taquicardia (arritmia) e realmente me deixa muito insegura, pois pode dar a qualquer momento. a minha não é frequente, mas assusta.

    Post a Reply
  2. eu tinha tpsv e me submeti á ablaçao com sucesso,hoje eu não caibo em mim de tanta felicidade. Aconselho as pessoas q tem esse problema a procurarem um arritmologista. Um abraço. SUZANA

    Post a Reply
  3. Doutor aconteceu comigo hj , passei mal tive convulsão frequencia 160 tenho tpsv quando cheguei ao hospital estava quase normal 135 a 145 aplicaram ancoron ea médica disse que ela se revertia sozinha ao ritmo sinusal .. Passei mt mal viu doutor oke foi isso

    Post a Reply
  4. GENTE ESSA IMAGEM NÃO QUIZ COLOCAR FOI SOZINHO SOU HOMEN E NÃO GAY

    Post a Reply
  5. Doutor minha frequencia chegou a 200 ? to sem tratar oke pode acontecer?

    Post a Reply
  6. arritmia tem cura?
    As vezes dar uma sensação de cansaço e suor frio sou hipertenso emocional e uma vez senti meus batimentos baixarem já estou fazendo exames o eletrocardiograma só da normal

    Post a Reply
  7. Dr.Por varias vezes tive ataques cardias.corria pra o hospital assim como me foi recomendado mas a demora de me atender erá tamanha,que os sintomas sumiam e o médico quando me atendia dizia que erá emocional.. e voltava pra casa sem se quer eles pedirem exames .
    Ate ocorrer um ataque cardia que mudou a minha vida ate hoje,ñ sou mais a mesma vivo cansada tem dias que ñ consigo lavar um pra porque o simples fato de movimenta os braço ou fazer qualquer esforço meu coração dispara sinto dor no peito no pescoço.
    A uma meses passei com cardiologista antes de pedir qualquer exames pediu me pediu que eu relatasse para ele oque eu sentia segundo ele erá em portante esse dialogo .falei tudo e ele ficou parado e pediu exames. Ecocardiograma -holter- Ergometrico.

    Post a Reply
    • Olá, Ana Paula.
      Bom que o médico tenha lhe ouvido e solicitado exames… Ele irá encontrar uma causa e propor uma solução.
      Abraços.

      Post a Reply
      • Eu sofro desse tipo de arritmia, Ana Paula. Sei bem como é a sensação de não poder fazer nada. Mas, diferente do que aconteceu com você, a primeira vez que passei mal já fui diagnosticada. Tomo remédio há seis anos e só tenho 20 de idade, então foi tudo muito assustador pra mim. Provavelmente seu médico terá que lhe receitar um medicamento. A vida volta ao normal, com limites mas volta. Só não poderá se esforçar muito, tanto fisicamente quanto psicologicamente pois isso afeta diretamente o bom funcionamento do nosso coração. Espero ter ajudado.

        Post a Reply
  8. Dr. Eu tenho TPSV..Não me dá com muita frequência. Da última vez em março demorou mais de uma hora e meia pra passar. Estou acompanhando com o cardiologista e tomando remédios. Mas provavelmente eu farei a cirurgia pra não ter mais. É grave essa TPSV? quando eu era mais nova só sentia os batimentos acelerados. Hoje me sinto mal, a pressão cai e sinto a sensação de desmaio. há anos eu não tinha mas ano passado tive 2 vezes abril/maio e este ano em março.

    Post a Reply
    • Olá, Nair.
      TPSV é uma doença que tem tratamento. Se você está tendo DESMAIOR + TPSV – é bom procurar o seu cardiologista, rápido.
      Se o seu cardiologista lhe indicou a ablação, siga as orientações dele.
      Abraços.

      Post a Reply
  9. Tenho TPSV não sustentada. È grave?

    Post a Reply
  10. Fiz o Holter de 24 horas e apareceu 12 extrassístoles supraventriculares isoladas e 2 episódios de TPSV, variando de 9 a 27 batimentos. Será que será necessário um estudo eletrofisiologico com ablação.?

    Post a Reply
    • Olá, Alvim.
      Dê uma olhada no artigo sobre Holter 24horas
      O EEF (estudo eletrofisiológico) pode ser usado para o tratamento, mas as medicações podem controlar bem, seus sintomas
      Abraços.

      Post a Reply
    • Olá, Alvim.
      O EEF (estudo eletrofisiológico) pode ser usado para o tratamento, mas as medicações podem controlar bem, seus sintomas.. Avalie com seu médico.
      Veja no artigo sobre Holter 24horas
      Abraços.

      Post a Reply
  11. Gostaria de saber se posso fica de auxilio doença por longo tempo pois ja fiz duas cirugia do coraçao troca de valvula mitral agora estou com taquicardi supra ventricula paroxistica e so tenho34anos estou ha oito mese e agora eu fico em panico quando direpente p coracao acelera mesmo tomando remedio o que devo fazer

    Post a Reply

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This

Compartilhe!

Compartilhe esse artigo com amigos!